terça-feira, 4 de dezembro de 2007

Como nasceu a Rapala !


Tudo começou com um pescador faminto e uma faca.
Foi na década de 1930, quando um simples pescador observava um fenómeno que por sua vez também era simples. Os peixes de maior volume comiam os mais pequenos até mesmo quando estes estavam doentes ou feridos. Foi assim que começou a maior história de pesca. Lauri Rapala pescava nas águas do lago Finlandês Paijanne, remava silenciosamente e observava os peixes, quando de repente viu como um depredador faminto lançou-se a um cardume de alevins e atacou precisamente aquele que mais oscilava. Reparou que esta situação repetia-se sucessivamente. O resto já nós sabemos o que aconteceu... Lauri, apercebeu-se que se conseguía fazer uma amostra que fosse capaz de imitar os movimentos dum peixe ferido, podería pescar mais peixes, ganhar mais dinheiro e não perder tempo com o isco. Lauri pôs mãos á obra, cortou, esculpiu e poliu até que a amostra começou a ter forma, utilizando uma faca de sapateiro e papel de lixa fabricou a sua primeira amostra de cortiça, em 1936. A superfície da amostra estava fabricada com o plástico dos chocolates e a camada protectora com negativos fotográficos fundidos. O mais relevante desta amostra era que imitava, perfeitamente as acções do peixe ferido. Conta a lenda, que nalgumas ocasiões, com a sua nova amostra, Lauri chegava a apanhar 300 kg de peixe por dia. Ao espalhar-se a noticía cresceu a reputação da amostra. O resto é história... Esta primeira amostra foi a antepassada da amostra que permitiu aos pescadores experimentar grandes emoções por grandes capturas, a legendária Original Floating Rapala.
O movimento que os peixes não podem resistir !!!

Sem comentários:

1º Encontro kayakfishing portugal

Loading...

As rapalas !

Loading...